20 julho, 2012

uma nota para mim

não há sofrer agora para ser feliz depois.
não dá para ficar na agência de direta, nem trabalhar até mais não e dar tudo para ter um futuro melhor, na melhor das hipóteses, daqui a uns 5 anos. não dá para ficar cinzenta quando eu sou colorida, não dá para tentar mais e batalhar por uma coisa que eu sei que não vai funcionar.

há: mudar para um sítio diferente, se estás mal agora. ir atrás do que te vai fazer viver melhor, mesmo se o nome da agência não for tão pomposo. não interessa se vais fazer paralelos, trabalhar numa mina de ouro ou engraxar sapatos, se é isso que te faz melhor agora.

vai, sem medos.
se caíres, será numa nuvem. e se não houver nuvem, vais ter pára-quedas.

3 comentários:

  1. Cativou-me o facto de termos Aveiro como ponto comum e desde há uns tempos acabei por ser uma tímida leitora deste teu espaço.

    Mas achei que este texto merecia que botasse de lado a minha timidez para dizer que ele tem tudo. E apesar de ser a tua nota para ti, soou-me como se devesse ser algo que deveria dizer a mim própria...o que só demonstra o quão achincalhadoramente moralizador ele é :)

    Deixo aqui os meus parabéns e retiro-me de novo para o modo 'leitura tímida'.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Marta,
      obrigada pelo que escreveste. é bom saber que há alguém desse lado e ainda é melhor quando esses alguéns se manifestam. que sabes, isso nunca acontece.

      eu também sou tímida e tenho sentido que isso só me afasta das coisas que eu quero e que gosto. por isso, deixa lá a timidez e vai dizendo coisas.

      obrigada e até breve.

      Eliminar